Unimed - Hospital Betim - Internas

Notícias

O que colocar na merendeira da criança?

Por Jacqueline Moura/ Itatiaia, 11/02/2019 às 09:38
atualizado em: 11/02/2019 às 09:41

Texto:

Foto: Google Images
Google Images

As escolas públicas e particulares já estão obrigadas a incluírem na grade curricular de ensino o conteúdo de educação alimentar e nutricional.  O objetivo da inclusão da temática nos ensinos médio e fundamental é ajudar na prevenção e identificação precoce de problemas relacionados à má alimentação, como desnutrição, obesidade e incidência de doenças crônicas na infância.

Além desta medida, em 2018, o governo de Minas Gerais publicou um decreto que proíbe a venda de alimentos calóricos e com alto teor de açúcar dentro e no entorno de escolas públicas ou privadas. Atualmente, dentro da maioria das escolas a merenda já é feita com orientações nutricionais, mas no entorno ainda não havia legislação que proibia a venda desses alimentos aos alunos. 

Com essas novas regras e com o retorno das aulas, muitos pais devem se perguntar sobre que lanche colocar na merendeira do filho. De acordo com a nutróloga Sabrina Barros, do Instituto Mineiro de Nutrologia, para escolher a merenda dos filhos, o ideal é começar a eliminar os alimentos que não devem ser consumidos. “Alimentos muito processados, como refrigerantes, sucos de caixinha, chips, doces, balas e pirulitos, alimentos excessivamente salgados também”. 

“O ideal é estimular o consumo de alimentos mais naturais. A fruta deve ser mandada em seu estado natural, evitar mandar o suco da fruta, mesmo que natural, o ideal é mandar a fruta para se aproveitar as fibras. Deve-se colocar uma fruta que a criança já tenha o costume de comer e picada, de maneira que o consumo seja fácil. Se quiser colocar um líquido na merendeira, as opções mais saudáveis seriam água ou água de coco. É importante acrescentar uma fonte de proteína, como por exemplo, iogurte, queijo ou requeijão com um pão integral. O biscoito de polvilho também pode ser uma opção”, detalha a nutróloga. 

Sabrina Barros ainda ressalta que se a criança não gostar de comer fruta, os pais podem optar pelo sanduíche natural, mas colocando mais cores e maior variedade de ingredientes naturais, como por exemplo, usar pão integral, queijo branco e tomate. 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ 🏆 Depois do duelo entre @Atletico e @Cruzeiro, a gente bateu um papo com o narrador @maisvibrante do Brasil. Ele… https://t.co/o6H78heWj8

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽️🏆 Mais um título na voz mais vibrante do Brasil! #ItatiaiaNãoPerdeClássico

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽ Para o zagueiro, a competição continental é “a cara do Cruzeiro”

    Acessar Link