DIGI+ Campeão Mineiro - Internas

Notícias

Assim como Dilma, Bolsonaro concede passaporte diplomático a Edir Macedo

Por Agência Estado, 15/04/2019 às 10:52
atualizado em: 15/04/2019 às 14:47

Texto:

Foto: Reprodução Templo Salomão/Facebook
Reprodução Templo Salomão/Facebook

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, concedeu passaporte diplomático ao proprietário da Rede Record e líder da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), Edir Macedo Bezerra, e à esposa dele, Ester Eunice Rangel Bezerra. O documento terá validade de 3 anos. 

A decisão consta em portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU). De acordo com a publicação, o chanceler liberou o documento especial a Edir Macedo e sua esposa "por entender que, ao portar passaporte diplomático, seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior".

O líder da Igreja Universal também recebeu o documento oficial em 2011, no governo Dilma Rousseff (PT). Na época, Edir Macedo era aliado petista.

O passaporte diplomático garante tratamento diferenciado em aeroportos de outros países.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️🇧🇷 Preocupação para o jogo do Brasil amanhã, que pode passar zerado pelo gol da Venezuela na Fonte Nova 😱 Expliqu… https://t.co/jHEWQUakSu

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽Apesar do público abaixo do esperado, as partidas têm registrado rendas altas devido ao preço cobrado nos ingressos

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    De acordo com os delatores, em 2014, quando o tucano foi candidato a presidente da República, foram feitos dois acertos para o repasse financeiro que, somados, chegam a R$ 21 ...

    Acessar Link