System.Collections.Generic.List`1[Site.ViewModels.BannerTopoViewModel]

Notícias

TSE lança campanha nas redes sociais para acabar com os chamados mitos eleitorais

Por Agência Brasil , 18/06/2017 às 11:48
atualizado em: 18/06/2017 às 12:31

Texto:

Foto: Divulgação/TSE
Divulgação/TSE

Com o objetivo de esclarecer questões sobre o processo de votação, opções de voto e o resultado de uma eleição, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lança neste domingo em suas redes sociais a campanha Mitos Eleitorais. O primeiro tema a ser abordado na fanpage, no Facebook e no perfil do tribunal no Twitter será "Votar nulo anula uma eleição?".

A ideia da campanha, que será veiculada este mês e em julho, é desmistificar alguns temas e esclarecer o eleitor brasileiro. Para isso, foram criados nove vídeos de curta duração, animados, com infográficos para as redes sociais.

Os demais temas da campanha são "Voto em branco vai para quem está ganhando?", "Voto em branco é igual a voto nulo?", "É eleito sempre o candidato que possui mais votos?", "Quem não votou na última eleição não pode votar na próxima?", "Depois da eleição é possível saber em quem o eleitor votou?", "Quem é convocado para ser mesário, será convocado sempre?", "Ninguém pode ser preso no dia da eleição?" e "O eleitor pode votar usando a camiseta do seu partido?".

No Twitter do tribunal, o eleitor também pode participar de um jogo para testar seus conhecimentos.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Olha o Coelhão aí, gente!!! https://t.co/0pFsiPMsje

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Grave acidente envolvendo vários veículos fecha o Anel Rodoviário, no Bairro Betânia: https://t.co/16CqdJDJy2 https://t.co/VwRb6UAdp5

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Observatório Feminino 📻 O quarteto do Saia Justa, programa do GNT, formado por Astrid Fontenelle, Taís Araújo, Mônica Martelli e a cantora Pitty participa neste domingo do O...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Homofobia no esporte - confira a nova coluna de Gustavo Lopes, Especialista em Direito Desportivo

    Acessar Link